cebola_site____

Esta semana tem produto novo na Compra Programada GiraSol: cebolas orgânicas produzidas por mulheres quilombolas de Mostardas, município no litoral norte do estado.

As cebolas foram fornecidas pela agricultora Neuza Chaves da Silva, de 53 anos, moradora da comunidade quilombola Beco dos Colodianos e articuladora da Rede de Economia Solidária e Feminista (RESF).

Neuza utiliza técnicas agroecológicas, como a biomineralização, tecnologia baseada no uso de pó de rochas que em contato com os elementos vivos (bactérias e fungos) produzem reações que fortalecem e potencializam a vida em todas as dimensões. O aumento da produtividade e da qualidade nutricional dos alimentos é um dos resultados.

Parceria

A GiraSol fechou parceria com a Cooperativa dos Povos Tradicionais de Mostardas (Cooptram), da qual Neuza é associada, para ajudar a organizar os processos comerciais e dar apoio produtivo aos agricultores quilombolas. Na região existem outras três comunidades e a ideia é avançar na organização comercial desses agricultores.

A GiraSol conheceu a realidade da comunidade pela Associação Comunitária do Beco dos Colodianos e pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Mostardas. Atravessadores da região oferecem de R$ 0,30 a R$ 0,50 pelo quilo da cebola. Por acreditar no comércio justo, a GiraSol fez um debate com a Cooptram sobre o valor a ser pago pela cebola. Assim, Neuza vai receber R$ 2,00 por quilo. Outros R$ 0,50 centavos vão custear o frete para Porto Alegre.

Compra Programada

Comprando até a meia noite de terça-feira, você retira seus produtos na sexta-feira (Emater ou Sindicato dos Bancários) ou no sábado no Espaço Cultural 512.

 

Um comentário sobre “Novidade da semana: cebolas orgânicas das mulheres quilombolas

  1. Sugiro a quem comprar esta cebola observar o brilho da casca e sua firmeza. Aprecie um pedaço dela crua e observe a sua doçura.
    Se quiser comê-la crua deixe por alguns minutos em água e tempere pois estará pronta para ser consumida.
    Cozinhe somente com uma pitada de sal em separado e em poucos segundos estará no ponto harmonizada e saborosa! Prove e confirme.
    Esse é o trabalho que a Cooptram está desenvolvendo para resgatar o sabor da melhor cebola do Brasil que envolve os municípios de Mostardas, Tavares e São José do Norte. Para isso a Cooptram produz seus próprios insumos: pós de rocha, biofertilizantes e adubos organominerais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *